A prudentina Mônica Teixeira na bancada do jornal Nacional

Mônica Teixeira
Mônica Teixeira em seu estreia no Jornal Nacional, neste sábado (4); web repercutiu (Imagem: Reprodução / Globo)

Globo suspendeu, em razão da pandemia de coronavírus, o rodízio dos profissionais de afiliadas na bancada do Jornal Nacional. Profissionais de São Paulo e Brasília também deixaram de figurar no noticiário aos sábados. Tal medida condicionou o JN aos profissionais do Rio de Janeiro, de onde o telejornal é gerado. Para cobrir todas as escalas, a emissora promoveu estreias como a de Mônica Teixeira, neste sábado (4).

Recentemente, Mônica Teixeira assumiu o comando do RJ2. Ela substitui a titular Ana Luiza Guimarães, afastada da redação por conta da pandemia de coronavírus; há quatro anos, Luli enfrentou um câncer de pâncreas, o que a inclui num dos grupos de risco da covid-19.

Cabe lembrar que Ana Luiza também deixou o plantão do Jornal Nacional. Assim como Chico Pinheiro, que seria reintegrado à bancada; o jornalista de 66 anos está em outro grupo de vulnerabilidade, motivo, inclusive, pelo qual saiu do Bom Dia Brasil, agora a cargo apenas de Ana Paula Araújo.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Proteção contra força bruta. * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.