Visitantes e expositores aprovam a primeira edição da Batatec encerrada neste domingo

Um sucesso de público e uma verdadeira vitrine para toda a cadeia de negócios da batata-doce. Assim a gestora da Fundag- Fundação de Apoio à Pesquisa Agrícola, Aurilene Aparecida da Silva Furumoto, classificou a 1ª edição da Batatec- Feira Tecnológica da Batata-Doce. A Fundag prestou assessoria para os organizadores do evento e segundo a gestora, a feira superou as expectativas: “Conseguimos unir em um só evento vários elos da cadeia produtiva e constatamos que as ações organizadas convergiram para o resultado que superou as expectativas”, afirmou.

A feira reuniu de sexta (15), até este domingo(17), produtores rurais, pesquisadores, prestadores de serviços, estudantes, empresários e microempresários no IBC- Centro de Eventos.

O balanço geral da movimentação de público e negócios da feira será divulgado nos próximos dias.

Um dos maiores especialistas brasileiros na produção de etanol por meio da batata doce, o professor doutor e pesquisador da Universidade do Tocantins, Márcio Silveira, que coordenou a palestra técnica mais concorrida do evento, realizada no último sábado (16), também se surpreendeu com o evento.” Esta foi a primeira vez que eu vejo uma feira assim. Olha que há 20 anos estou na área como pesquisador, estou admirado e entusiasmado com a coragem, ousadia e pioneirismo do pessoal aqui de Presidente Prudente. Estão todos de parabéns”, disse o professor.

Quem visitou a feira neste domingo, último dia do evento, teve a oportunidade de assistir ao primeiro jogo da Seleção Brasileira na Copa do Mundo, por meio de um telão gigante e o show com a cantora Lorena Cristine, e ainda saborear as delícias feitas com batata-doce como o nhoque, o escondidinho e a coxinha com massa de batata-doce, entre outros pratos.

Elza Wassano veio de Centenário do Sul, no Paraná, para visitar as irmãs prudentinas, Alice Abe e Ana Abe, como ela, aposentadas. “Muito boa a festa, tudo muito bonito e organizado”, elogiou.

A professora Neusa Campos, que também visitou o último dia da feira, aproveitou para levar a tapioca de batata-doce para casa. “Adoro, e meu neto não fica sem, pois ele conseguiu emagrecer muito substituindo a farinha branca pela tapioca, e eu sei que é nutritiva por isso também consumo”, afirmou a visitante.

Os expositores também ficaram satisfeitos com o resultado da feira, como a proprietária da Raposo Pneus, Ana Cláudia Raposo Sanches, a primeira a comprar um estande para expor na feira. “ Eu achei que o investimento no estande compensou. Foi fantástico o evento e como muitos dos meus clientes são produtores rurais de batata-doce, fiquei muito feliz em ver que eles, depois de muitos anos, estão realizando um evento que era um verdadeiro sonho para eles”, disse.

Os produtores de cerveja artesanal de Presidente Prudente, Murilo Cassis, proprietário da marca “ 018”, Guilherme Ferreira, da “ Suinga” e Luiz Carlos Freitas, da “ Mago do Malte”, também aprovaram o resultado do evento.

“Estar aqui ajudou no posicionamento da nossa marca para um público novo, que a gente não atingia. Um desafio que aceitamos produzir, a cerveja da batata-doce e que foi muito bem aceita. Só fortaleceu o cenário da cerveja artesanal em nossa cidade”, disse Ferreira.

A 1ª Batatec é uma promoção da Prefeitura de Presidente Prudente por meio da Sedepp- Secretaria de Desenvolvimento Econômico em parceria com a Abrobarpp- Associação dos Produtores de Batata- Doce de Presidente Prudente.

O evento tem o apoio da Secretaria Municipal de Turismo, Secretaria Municipal de Cultura, Fundag, Fatec- Presidente Prudente, Sebrae-SP, Apta- Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios, Valtra Mercadão, Toko Perillo Embalagens- Unoeste, Cooperativa Agrícola Sul Brasil –Álvares Machado, Senai/ São Paulo, Cati- Coordenadoria de Assistência Técnica Intregral ETC- Escola Técnica de Presidente Prudente, Banco do Brasil, D.Carvalho – John Deere, Caixa Econômica Federal (CEF), Itesp, Codep, Sicredi, Agrofértil, entre outras.

 

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Proteção contra força bruta. * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.